130 ninhos de vespa velutina destruídos nos primeiros 9 meses do ano

O Serviço Municipal de Protecção Civil da Figueira da Foz (SMPCFF) destruiu, nos primeiros nove meses do ano, 130 ninhos de vespa velutina, na maioria localizados nas duas maiores freguesias urbanas do concelho, Buarcos e São Julião e Tavarede, que têm uma grande área rural.
Em Buarcos e São Julião foram destruídos 22 ninhos e em Tavarede 18. Já na zona rural foram destruídos 57 ninhos, 17 na freguesia de Ferreira-a-Nova, 16 em Alhadas, e 24 em Maiorca e Paião (12 em cada uma).
Os casos reportados têm vindo a aumentar, contudo alguns acabam por ser falso alarme, tratando-se apenas de ninhos de vespas europeias. O mês de setembro foi aquele em que o SMPCFF registou o maior número de casos – 45. Por forma a suportar os custos da destruição de ninhos, a autarquia recorreu a um fundo do Instituto da Conservação da Natureza.
Foi também adquirida uma espingarda de paintball, utilizada apenas quando a operação dispensa a utilização de varas. Através do uso da espingarda é possível introduzir no ninho, bolas com um insecticida cujos efeitos se prolongam por seis meses. Assim as vespas que sobrevivem ao ataque químico e regressam ao ninho acabam por morrer.
“A tarefa de destruição dos ninhos está a cargo dos Sapadores Florestais, cuja capacidade de resposta, é, em média, de um dia após comunicação dos munícipes, os quais não devem agir por conta própria, dada a perigosidade que o acto implica”, alerta a autarquia figueirense.
Apesar da vespa velutina não ser considerada mais perigosa que a vespa e a abelha europeias, ao atacar em grupo aumenta o risco de gravidade para pessoas alérgicas.
Têm sido encontrados ninhos em sítios tão diversos quanto árvores, arbustos, telheiros, casas abandonadas e até no subsolo.
Sempre que os munícipes localizem um ninho, devem informar o SMPCFF através de correio electrónico: smpcff@cm-figfoz.pt ou telefone: 233 402 805, e indicar o local do mesmo, o seu contacto e, se possível, remeter fotografias.
O serviço de destruição de ninhos é gratuito.

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL