Livros: “Engenharia Genética - O Futuro já começou” de Sílvia Curado apresentado no CAE

Os jardins interiores do Centro de Artes e Espectáculos serão palco, na próxima sexta-feira, 14 de julho, pelas 19h00, da apresentação do livro “Engenharia Genética - O Futuro já começou”, da autoria da investigadora figueirense, Sílvia Curado, com chancela da editora Glaciar.
A obra, que é o segundo volume da coleção "A Ciência Disruptiva”, editada pela Glaciar, em parceria com a Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento, será apresentada pela jornalista da RTP, Cristina Esteves e contará com a presença de um representante da editora Glaciar.
“Engenharia Genética - O Futuro já começou” é um livro que nos traz uma “reflexão prospetiva sobre a Engenharia Genética e onde se pode perceber como está esta ciência a alterar o nosso mundo - e como o irá alterar ainda mais.

BIO:
Natural da Figueira da Foz, Sílvia Curado é Doutorada em Genética, Biologia Molecular e Biologia do Desenvolvimento e tem-se dedicado ao estudo dos genes e suas aplicações em diferentes contextos dentro da área da investigação científica.
Foi toda uma preparação escolar realizada na Figueira da Foz, desde o Jardim-Escola ao Ensino Secundário – que lhe serviu de base a um percurso académico-profissional internacional. Foi durante a realização do seu estágio de Licenciatura na Universidade de Bergen, Noruega, (integrado na Licenciatura em Bioquímica pela Universidade de Coimbra) que despertou o seu interesse pela investigação.
Realizou, de seguida, o Mestrado em Biologia Celular, resultado da colaboração entre a Universidade de Coimbra e o Hammersmith Hospital, Londres, Reino Unido. Neste trabalho teve a oportunidade de aplicar o conhecimento dos genes à deteção de células cancerígenas (Doença Residual Mínima em Leucemia).
Prosseguiu a sua formação académica no European Molecular Biology Laboratory, EMBL (Heidelberg, Alemanha) para a realização da tese de doutoramento. É aí que aprofunda a sua ligação à Genética. A mosca-do-vinagre (Drosophila) serviu-lhe como modelo animal genético para estudar mecanismos biológicos semelhantes àqueles que têm lugar no ser humano e assim compreender melhor os genes e a sua manipulação.
Seguiu-se o pós-doutoramento na University of California, San Francisco (UCSF), Estados Unidos, na área de Medicina Regenerativa e Organogénese. Aí usou o modelo genético peixe-zebra para estudar o processo de formação e de regeneração de órgãos (como o coração e fígado). Durante este período obteve o Certificado em Business Administration pela University of California, Berkeley (USB). Mais tarde assumiu uma posição como Faculty na New York University (NYU) School of Medicine, Nova Iorque, Estados Unidos, para co-liderar o Centro de Investigação Nanomedicine Development Center. Vai iniciar agora uma nova posição, também nesta Universidade de Nova Iorque, na liderança de um novo Programa na área da investigação em Obesidade.
Paralelamente, é Presidente da PAPS (Portuguese American Postgraduate Society), uma organização que visa apoiar o desenvolvimento académico-profissional de Portugueses licenciados e pós-graduados que se encontram nos Estados Unidos ou Canadá, e estabelecer uma ponte entre Portugal e a América do Norte.

 

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

910 496 991 (comercial)

geral@figueiranahora.com

comercial@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL