Região: Montemor-o-Velho convida a viajar ao sonho de Natal no Castelo Mágico

O «Castelo Mágico» terá lugar entre os dias 1 e 30 de dezembro, de quinta-feira a domingo, sendo promovido pelo Município de Montemor-o-Velho e produzido pela Sociedade Lusa de Espectáculos.
Serão 18 dias de actividades e espectáculos dedicados a crianças, jovens, famílias, escolas e empresas, que pretendem colmatar a inexistência de um evento desta dimensão na proximidade, fazendo deste o maior parque temático de Natal no coração de Portugal.
Prevê-se que o retorno do investimento no evento, na ordem dos 200 mil euros, seja atingido num futuro próximo, tendo em conta o feedback positivo do público em geral e, também, através das redes sociais oficiais do evento.
A programação do evento destaca-se pela inovação, com um conjunto de actividades livres, como o Fun Park, a Praça de Neve, os insufláveis, a zona dos animais, que se aliam a uma diversidade do programa levada a efeito pelo Chapitô e o Exploratório da Ciência Viva. O Castelo Mágico conta ainda com uma zona de Street Food e um Lounge Bar.
O castelo de Montemor-o-Velho foi palco da apresentação oficial do evento «Castelo Mágico – Uma viagem ao sonho de Natal!» e contou com a presença de Emílio Torrão (presidente da Câmara de Montemor-o-Velho), Tiago Castelo Branco (Sociedade Lusa de Espetáculos e do grupo de empresas Braver), Alexandra Espiridião (Escola de Circo Chapitô) e Catarina Reis (Exploratório da Ciência Viva).

“Um evento único”

Para o presidente da Câmara de Montemor-o-Velho, "o Natal é uma época de sonhos e, além de estarmos a concretizar um sonho que era meu, também estamos a concretizar o sonho de muitas crianças e famílias que gostam do Natal".
Segundo Emílio Torrão, "as crianças vão sentir que este é um evento único, porque além da componente lúdica, congrega a componente pedagógica através da performance do Chapitô, das experiências com o Exploratório da Ciência e das personagens históricas de Montemor-o-Velho, que afirmam a identidade do local".
A componente social do evento também não foi esquecida. Para Emílio Torrão, "houve uma preocupação da Câmara e da Sociedade Lusa de Espectáculos no sentido de proporcionar esta experiência às crianças mais necessitadas e com deficiências, oferecendo o bilhete de entrada".
Evidencia ainda a importância do desafio lançado a todas as crianças que visitem o Castelo Mágico para levar um brinquedo e o oferecer às crianças carenciadas, em contrapartida da oferta do bilhete para entrada no planetário.
Por outro lado, "houve uma preocupação em proporcionar um conjunto de facilidades para as crianças das escolas que fazem parte dos 19 municípios da Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra".

Experiências interactivas, viagens e sonhos

Segundo Catarina Reis, existem duas grandes propostas: “as experiências interactivas, não só para crianças, mas também para adultos, e a estreia inédita do planetário móvel que, além da astronomia, leva a magia às crianças".
Por outro lado, Alexandra Espiridião afirma que o Chapitô propõe apresentar “um projecto que tem como base a viagem, a descoberta, a invenção e o sonho. Mantemos os pés na terra em Montemor, com as personagens e identidade tão fortes do local, e, ao mesmo tempo permitimo-nos voar e sonhar para trazer um espectáculo surpreendente".

“Novas oportunidades de negócio”

Tiago Castelo Branco sublinha que o evento assume "a personagem do Pai Natal como sendo da maior relevância, pois transmite valores e a imagem de magia na cabeça das crianças" e deixa um apelo ao público: "vamos pedir às pessoas que visitem e tragam vida à vila e que o comércio local se envolva, de forma a criar novas oportunidades de negócio a Montemor-o-Velho".
Tiago Castelo Branco destacou "a abertura, a inteligência e audácia" do presidente da Câmara Municipal de Montemor-o-Velho e da sua equipa na resposta à proposta apresentada e que encontra no castelo de Montemor-o-Velho "o espaço indicado para a criação de um parque temático de Natal".

Bilhetes diferenciados

Os bebés entre os 0 e os 2 anos têm entrada gratuita. Crianças entre os 3 e os 12 anos pagam 5€, tal como os adultos com mais de 65 anos.
Para jovens e adultos, entre os 13 e os 64 anos, a entrada custa 6€. Existem, ainda, preços especiais para grupos de mais de 20 pessoas (5€ por pessoa), escolas (3€ por pessoa com oferta de 2 adultos por turma) e empresas (que deverão enviar email para empresas@castelomagico.pt).
A compra do bilhete permite o acesso a todas as actividades e espectáculos no recinto, à excepção do Planetário, que tem um custo extra de 0,50€ para as escolas e 1€ para o público em geral (bilhetes à venda na entrada para o Planetário).


Informações em Castelo Mágico

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL