a praia

vi o teu sorriso livre por entre as neblinas numa breve manhã presa a agosto
era ingénuo e dúbio, e que trapézio que subiste sem dar por ela,
aludo-me ao meu posto de praia onde os dias são de água fria e as noites sabem a sal quente, morno
o teu andar belo e ancado e esse calcorrear pelo areal denso e brilhante,
desfez-me ao lembrar que contigo até da espuma suja das “águas de março” eu gosto e me torno capitão por esse mar navegante
a praia estava no seu lugar
já eu não
este lugar pouco existe
nem eu sabia tampouco onde deveria estar
se no areal, se no mar
só sabia que amava, como e porquê? soprava-me o coração, minuto sim, minuto não, outro mergulho, finjo-me de morto em alto mar, sustenho a respiração até as veias e os pulmões me darem conta do tamanho sufoco
grande dúvida na areia movediça e enterrada, por ser um dia dita sem ser considerada
o mundo não queria acreditar, tudo o que lhe faltava era por falta de eu o tentar pôr “um gosto”
este lugar pouco existe, existe um lugar que me é muito e que me é pouco
então eu, quieto e tenebroso, acaso, despenteado e ranhoso, virei-me para o meu lugar e estendi a toalha a meu belo e especial gozo
tentei não olhar para ti, era por de mais bela a imagem daquela praia naquele agosto, olhando para ti morria-me o agosto
não soube o que falar, então fui nadar, e nadei tanto, tanto, que quando cheguei ao areal
já o sol se tinha posto.
buas que nos ficam sempre na pele floreada de sal, dão sempre “um gosto” ao sol deposto
o maior desafio é não o pensar
que existe uma praia,
um sol, um mar e um areal,
onde vivi tudo o que há para viver e onde depois fui morto
mais vale uma cabana onde se ri à beira mar do que um palácio onde se lamenta o sol, o outro sol, o outro, por não nos perpassar a alma e acalentar o corpo,
este lugar pouco existe, existe um lugar que me é muito e que me é pouco

 

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

910 496 991 (comercial)

geral@figueiranahora.com

comercial@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL