Lulas e lunáticos!

Estou farto de assistir à crucificação de Luís Inácio da Silva por parte de quem é em grau, género e, quiçá, em número..., igual ou até pior que ele!
Não quero passar uma esponja sobre o carácter de Lula, aquele político brasileiro quase analfabeto, formado na escola mais exigente de todas, -com direito a figurar prepetuamente no seu Quadro de Honra-, formado com distinção na duríssima e implacável - ESCOLA-DA-VIDA!
Luís Inácio da Silva não é pior nem melhor que os outros! Ele é igualzinho! É «farinha do mesmo saco». É POLÍTICO! É um feroz animal político e é por isso, apenas por isso, é por ele ser "um feroz animal" que o admiro. Mea-culpa!
Que "Maldita Confraria"! Que "Escola Perversa"! Uma escola que "formata" a todos tão eficazmente! -"Formatar" é completamente diferente de formar!
A ser verdade!, -quero que entendam esta reserva como uma máxima reserva da minha parte-, ele não foi pior, não se abotoou, não se encheu, não desviou nem roubou..., mais que milhares e milhares doutros antes dele!
No entanto, o Lula é perigoso! Diria mais até!... Ele é perigosíssimo! Ele é perigosíssimo porque é uma carta fora do baralho, é uma carta que viciou um jogo que desde sempre tem estado completamente viciado. Ele é perigosíssimo, ele é odiado porque abriu um precedente gravíssimo. Ele é um patriarca duma "família", dum clã que tal como os Kennedy, não tem "pedigree", não pertence à "linhagem" e, consequente e inapelavelmente, tem de ser eliminado. Tem de ser completamente arrasado, tem de ser implodido, tem de ser pulverizado!
Comparando-o com muitos milhares doutros que por lá passaram durante os mais de 500 anos de história do Brasil independente, Lula poderá parecer um mero pilha-galinhas, sôfrego e inexperiente. Ressalvo uma vez mais: A ser verdade! (Não quero complicações cá para o meu lado!). A ser verdade!-repito!
Então, porque é que o Lula é perigosíssimo? Estará o(a) querido(a) leitor(a) a perguntar? Vou tentar explicar "cá à minha maneira", do meu jeitinho! O Lula é perigosíssimo, é um "terramoto", porque mostrou que é possível! É possível! É possível!!! Ele quebrou muros, quebrou barreiras, "tomou a Bastilha", fez ruir as fortalezas até então inexpugnáveis, entrou no "ninho dos ratos"! Demonstrou, gritou!, a quase duzentos milhões de brasileiros: " Anyone can! Yes! You can too!" (Qualquer um pode! Sim! Tu podes também!)
Lula demonstrou que qualquer brasileiro pode ser Presidente. Qualquer um pode ser político e, consequentemente, pode fazer tudo aquilo que milhares de outros já fizeram antes e até em maior escala! Ora, isso é grave! Isso é perigoso, muito, mas mesmo muito perigoso, isso é mais de duzentos milhões de vezes perigoso! Isso é uma bomba atómica! Isso foi um mau exemplo! Foi um gravíssimo erro de "Casting". Foi um erro que não se pode repetir!
Por tudo isto urge!, é imperioso! Urge fazer de Luís Inácio da Silva um outro exemplo, que basicamente é o seguinte: «Quem voltar a sonhar fazer o que ele fez..., paga-as! Vai ter um mau fim!»
Fora com os de fora! Fora com a gente que não é da nossa gente! - ulula aquela outra gentalha, sentindo-se cheia de razão!
Eu, pessoalmente, até simpatizo com o sujeito, até simpatizo com a patusca figura, até simpatizo com aquele inconsciente descaramento ("ele é mesmo metido à besta", Kkkkkkk....), pese embora, abomine aquela "classe" em geral, seja ela de que parte do mundo for!

*Este texto foi escrito segundo os termos da ortografia anterior ao recente (des)Acordo Ortográfico.

 

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL