Meio sapato são duas

O que vi no mar
Só não há ninguém
E todo alguém o conta
Sapato sapatinho na melhor parte da onda

Onde querem eles chegar
nos sapatos descalços de onda
Lustres enterrados na areia
São preço pago - conta

Será que me vão chegar
Será cada argumento me aponta
Aqueles pedaços de mar
Todo o mar em onda

Eu quero agora os documentos do mar
Pô-los na minha carteira que me conta
Quero que me seja familiar
Tudo o que ele me afronta

Muitas metades são duas
Mais que minhas e suas
Meio sapato eu vi
Meio sapato são duas
E tudo o mar me conta

 

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL