Meu rico Brasil...,meu pobre Brasil!

Repetiu-se!
Repetir-se-á mais vezes! Desta vez os poderosos, aqueles que podem roubar sem "temer", atiraram a pedra e esconderam a mão - estão mais sofisticados! Não usaram os "verdinhos" (com)postos em General! Desta vez a "putaria" foi maior, foram mais lúgubres, foram mais "negros", usaram as Becas que usam aqueles que servem aquela que tem os olhos vendados e, que mesmo assim, se julga JUSTA e simula que faz JUSTIÇA!
A meu ver, Luís Inácio Lula da Silva cometeu três crimes, sendo dois deles, crimes maiores, senão mesmo, crimes puníveis com "pena capital": com o primeiro crime - crime de roubo - tornou-se igual, igualzinho a tantos outros políticos, fez o mesmo que tantos outros já haviam feito, fez o mesmo em GÉNERO, mas fez menos, muito menos em GRAU, contudo, de forma imperdoável, traiu todos aqueles que ao longo de muitas gerações acreditaram na mudança, traiu todos aqueles que tiveram fé num homem puro e acreditaram que, um dia, sairia do meio deles um homem incorruptível, um político sério e honesto saído do meio do povo e para o povo, - ainda não foi desta vez!
Não percamos a esperança!; o seu segundo crime, aos olhos de alguns- demasiados-, mesmo sendo poucos, foi muito mais grave e, por isso, imperdoável. Ele demonstrou, sem margem para a menor dúvida -demonstrou directamente a mais de duas centenas e meia de milhões de brasileiros - que é possível, que é possível quebrarem as correntes que os agrilhoam à fome, à iliteracia, à escuridão do analfabetismo e à subserviência mendicante!, demonstrou que é possível!, é possível sim!, é possível sair dos confins da miserável roça e chegar a Presidente da República do Brasil! Este crime é punível com pena capital porque mostra que é possível!, é possível sim!, é possível no Brasil e É POSSÍVEL EM QUALQUER PARTE DO MUNDO!, -QUE PERIGO!- há que "temer", HÁ QUE CASTIGAR EXEMPLARMENTE A OUSADIA!; não contente, o tal Lula, cometeu outro crime grave, igualmente punível com pena capital, ele tirou da riqueza, tirou do rendimento do país e distribuiu pelos pobres, distribuiu pelos desvalidos, teve a ousadia de criar a CESTA BÁSICA, teve a ousadia de fazer desmoronar o mito de que não é possível distribuir a riqueza, ousou demonstrar que DIVIDIR também é conta e também CONTA. Que ousadia! Que ousadia ter demonstrado que o Brasil produz e tem riqueza que chegue para dividir por todos!, (maldita palavra, pensam alguns!) ISTO É IMPERDOÁVEL!, mas..., felizmente para alguns, É POSSÍVEL E É, TAMBÉM, O QUE ESTÁ CERTO SEGUNDO AS SAGRADAS LEIS DO UNIVERSO!...
Não há dúvidas de que "esse tal Lula" é um "cara" muito perigoso para o Brasil e para grande parte do mundo! É, verdadeiramente, um "MATA-LOBOS"! - OLHA QUE PERIGO! É PRECISO ANIQUILÁ-LO URGENTEMENTE! -ULULAM! ULULAM COM FEROCIDADE!
Mas..., -infelizmente existem demasiados e incontornáveis "mas..."-, as pessoas em todo o mundo, e principalmente os Brasileiros, ainda não perceberam que a Nação Brasileira é um "tubo de ensaio", é uma experiência no "laboratório" daqueles poucos "porcos" que são "os porcos mais iguais que os outros" e que têm um tratamento privilegiado para, - obedecendo em tudo-, guardarem e gerirem esta "Quintinha" chamada Planeta Terra.
Esses tais poucos "porcos" mais iguais que os outros, essas seleccionadas famílias de "porcos" apenas guardam a "Quintinha" e executam as ordens que recebem, guardam-na e executam as tais ordens a troco de especiais privilégios. Esses "porcos" mais iguais que os outros -a que Aldous Huxley se refere na sua obra intitulada "Animal Farm"- vivem escondidos, VIVEM NA SOMBRA, apenas querem passar muito despercebidos e, por isso, usam outros porcos, outros "capachos", outros actores menores que há que "temer". Estes porcos menores também são ferozes, julgam-se importantes, são obtusos, gananciosos e, -sem ofensa para os Burros-, são burros a valer!
Esta desagregação social e económica do Brasil e a desagregação da Nação Brasileira -enquanto Estado Uno- que sucederá brevemente..., corresponde ao tal ensaio, corresponde à tal experiência que visa implantar o "Governo Mundial" que tem, entre muitos outros objectivos, reduzir em muitos biliões os porcos viventes nesta "Quintinha", por já não serem necessários tantos porcos para a produção da energia da dor e do sofrimento em cuja produção, esta "Quintinha-refém", está especializada!
Um dia..., até aqueles porcos que julgam nada ter a "temer", me darão razão! Mas..., mas..., mas...,-tantos mas...!-, então já será demasiado tarde!
Grito! Grito! Grito! Gritarei até morrer! Grito porque sei muito bem, porque é que grito!, embora saiba que o meu grito não convém!!!
Texto Grito.

* Este texto, foi escrito segundo os termos da ortografia anterior ao recente (des)Acordo Ortográfico.

 

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL