Sabedoria da Menopausa

18 de outubro celebra-se o Dia Mundial da Menopausa. A data foi criada para alertar as mulheres sobre as mudanças que ocorrem no seu corpo e incentivar a procura de esclarecimento médico.
O período que engloba a perimenopausa, menopausa e pós-menopausa denomina-se Climatério. Habitualmente, inicia-se por volta dos 40 anos, sendo de duração variável e dependente de vários fatores. Caracteriza-se por transformações físicas e emocionais decorrentes da diminuição da produção de hormonas femininas.
Do grego men (mês) e pausis (cessação), a menopausa corresponde à última menstruação da vida da mulher. Geralmente ocorre entre os 45 e 55 anos, marcando o fim da fase reprodutiva. O diagnóstico clínico implica 12 meses sem menstruação; até lá, há o risco de engravidar.
Apesar de haver um término na capacidade de reprodução, a menopausa não implica o fim da vida sexual feminina. Trata-se de uma fase natural que poderá associar-se a sintomas menos agradáveis: ondas de calor, imprevisíveis e incontroláveis, presença de suores noturnos, alterações dos hábitos de sono e variações de humor inexplicadas. Muitas referem dificuldades de concentração e alterações da memória a curto prazo. As mudanças hormonais poderão conduzir a diminuição do desejo sexual e secura vaginal, bem como irregularidades menstruais. Estes são achados normais e, na sua maioria, irão melhorar com o final do climatério.
Por outro lado, os sintomas mais tardios associam-se a perda de densidade óssea, ganho de peso (e maior dificuldade em perdê-lo), sensação de abdómen distendido, perda da elasticidade e brilho da pele, queda de cabelo e eventualmente aumento de pêlos na face.
Não é fácil lidar com estas alterações; por isso, é fundamental contar com o apoio dos familiares: explique-lhes que este é um período de transição e de profundas oscilações hormonais.
Há alguns tratamentos farmacológicos para minorar estes sintomas que poderá discutir com o seu médico, contudo, não estão isentos de riscos e efeitos secundários. Algumas atitudes que poderão ajudar englobam uma alimentação equilibrada, rica em legumes e vitaminas, ingestão de água, prática de exercício físico moderado e regular - o que, além de diminuir o risco de fraturas ósseas, irá, também, permitir o equilíbrio de peso e a manutenção de um humor mais adequado, com menos ansiedade.
Mais do que o fim de algo, a menopausa traduz o início de um tempo de introspeção e profundo crescimento interior. Caracteriza a chegada de uma Mulher madura, plena, mais segura de si e com uma história de vida repleta de significado. Como todas as etapas, poderá ser maravilhosa; dependerá, sobretudo, da sua perspetiva.

 

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL