By Pass? - Protesto silencioso hoje na Figueira da Foz

Na sessão solene de abertura do colóquio sobre Adaptação às Alterações Climáticas (ClimAdapt), que aconteceu esta manhã no Centro de Artes e Espectáculos da Figueira da Foz, durante a intervenção do vice-presidente da Agência Portuguesa do Ambiente (em representação do ministro do Ambiente), foi feita uma intervenção de protesto silencioso pelo movimento SOS Cabedelo e os surfistas da Figueira da Foz, com o apoio do Centro de Estudos do Mar (CEMAR).
Na base, residiu o apelo para que o estudo do by-pass (transferência de areias entre margens do Mondego) possa ser concretizado. João Ataíde, presidente da autarquia, deu conta desta iniciativa.
Alfredo Pinheiro Marques (CEMAR) recorda que “o estudo de um by pass, a partir de 2009 teve que ser sugerido e proposto - para a clarividente e dinâmica apreciação da administração pública e para a sábia e actualizada competência da comunidade científica - pelos próprios surfistas locais” e que “desde 10 de março de 2017 já foi aprovado e objecto de uma recomendação da Assembleia da República ao Governo português - juntamente com a «(…) recomendação para que o Governo tomasse medidas no âmbito da protecção da orla costeira e da segurança de pessoas e bens e que desenvolvesse, com carácter de urgência, acções de transposição sedimentar nas barras da Figueira da Foz e Aveiro (…)». O estudo, no entanto, até hoje, em novembro de 2018, embora aprovado, ainda não foi feito”.

Foto: DR/CEMAR

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL