Misericórdia da Figueira adiantou 40 mil euros aos Bombeiros Voluntários

Ontem, na sala de sessões da Misericórdia – Obra da Figueira, foi assinado um protocolo entre esta instituição e a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz, que tinha como finalidade entregar um adiantamento de 40 mil euros destinado à aquisição de uma viatura de transporte de doentes, montante que foi entregue na totalidade por Joaquim de Sousa a Lídio Lopes.
Tal como frisou o provedor da Misericórdia, “está comprovado que estes protocolos têm efeitos práticos e são uma mais-valia que diminui custos”.
Ainda segundo Joaquim de Sousa, este acordo integra-se na cooperação que ambas as instituições, em conjunto com a Assembleia Figueirense e o Ginásio Clube Figueirense, vêm mantendo desde há perto de década e meia no âmbito do protocolo designado por «Instituições Associadas»
Também o presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz, Lídio Lopes, se congratulou com a renovação do protocolo e da importância que isso representa na funcionalidade da missão dos Bombeiros no transporte de doentes não urgentes e outros, bem como no intercâmbio entre as duas instituições.
Lídio Lopes explicou ainda que este valor estava destinado a adquirir uma ambulância de 9 lugares, mas a direcção optou por adquirir duas de seis lugares cada, incluindo transporte de doentes em cadeira de rodas, pelo montante 54.120 euros, sendo a diferença além dos 40 mil, da responsabilidade dos Bombeiros Voluntários, viaturas essas que deverão chegar à corporação durante o próximo mês de fevereiro.
Aproveitando esta reunião em que estavam presentes vários membros da direcção dos Bombeiros Voluntários e da Misericórdia, Lídio Lopes anunciou que seguindo as directrizes da Associação Humanitária, no decorrer deste ano de 2019 vão entregar a Joaquim de Sousa o “Colar de Honra dos Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz” pela sua dedicação e altruísmo ao longo de mais de 60 anos de associado dos Bombeiros, lembrando entre outros fatos, que foi ele enquanto presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz, no início da década de 80, que conseguiu desbloquear e doar aos Bombeiros aquele que é hoje o seu quartel e que na época eram armazéns de bacalhau.

Misericórdia reforça transportes com apoio do Ginásio

Para melhorar a eficiência do seu serviço de Apoio Domiciliário, a Misericórdia – Obra da Figueira tem desde esta semana ao seu serviço uma carrinha cedida em permanência, de segunda a sexta, pelo Ginásio Clube Figueirense, permitindo assim tornar mais rápidas e céleres as deslocações aos domicílios, até agora efectuadas por uma única viatura. Esta cooperação está prevista nas disposições gerais do protocolo “Instituições Associadas”.
Uma vez que as viaturas do Ginásio durante os dias da semana estão mais paradas, só são utilizadas à noite e aos fins de semana no transporte de atletas, a cedência desta viatura resolve o problema na Misericórdia - Obra da Figueira, evitando custos elevados na aquisição de mais uma veículo.

(José Santos)

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL