Finalizada empreitada de reabilitação da EN109

Foram finalizados os trabalhos de beneficiação e melhoria das condições de segurança da EN109, num troço com cerca de 15,5 quilómetros entre Figueira da Foz e Pombal.
Segundo dados da Infraestruturas de Portugal, com um investimento superior a 3 milhões de euros, a empreitada envolveu a reformulação das várias interseções existentes entre o quilómetro 122,150, na freguesia de S. Pedro, concelho da Figueira da Foz, e o quilómetro 137,7, em Carriço, concelho de Pombal.
Uma obra que teve como principais objectivos a melhoria das condições de acesso, mobilidade e segurança dos automobilistas, e onde foram implementadas as seguintes soluções:

Ao km 122,150 – Construída uma rotunda eliminando o anterior cruzamento com a Rua Manuel Luís Pata;

Ao km 122,6 – Reformulado o entroncamento, impedindo a saída da EN 109 no sentido sul/norte;

Ao km 125,8 – Construída uma rotunda, melhorando as acessibilidades à Praia da Costa de Lavos;

Ao km 127,3 – Criada uma gare de viragem à esquerda, melhorando as condições de segurança no acesso a uma via secundária que dá acesso à Praia de Lavos;

Ao km 129,5 – Melhorada a fluidez do trânsito através da construção de uma rotunda, em substituição do anterior cruzamento com semáforos,

Ao km 130,4 – Implantada uma rotunda, substituindo o anterior cruzamento de acesso à Rua do Casarão e a Rua da Mocidade;

Ao km 131,6 – Criadas gares de viragem à esquerda, reforçando as condições de segurança no acesso às zonas de restaurantes ali existentes; 

Ao km 135,6 – Criada uma rotunda de ligação à Rua dos Carvalhos, de acesso à localidade de Marinha das Ondas, com um caminho que permite o acesso à Estação de Comboios de Louriçal. Esta intervenção abrangeu também os dois cruzamentos anteriores, muito próximos, garantindo os movimentos de entrada e saída da estrada principal;

Ao km 136,4 – Reformulado o cruzamento, redimensionando as vias, gares de viragem, bermas e, consequentemente, os ilhéus separadores; 

Ao km 137,7 – Construída uma rotunda de acesso à Rua das Mós.

A reformulação das várias interseções envolveu também a execução de beneficiação dos sistemas de drenagem, a colocação de iluminação pública, a pavimentação da via, bem como a readequação e reforço da sinalização e dos equipamentos de segurança rodoviária.
“A concretização deste investimento assegura uma importante melhoria das condições de acessibilidade, mobilidade e segurança para os milhares de automobilistas que utilizam a EN109 nas suas deslocações diárias”, refere a empresa.

 

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL