Com a Figueira da Foz, com os Figueirenses.

Inaugurado Centro Escolar de São Pedro: “um sonho traçado há 26 anos”

Foi inaugurada esta manhã o novo Centro Escolar de S. Pedro, uma obra orçada em cerca de um milhão e 300 mil euros, já incluindo os prejuízos causados pela passagem da tempestade Leslie, em outubro passado.
José Castanho, director do Agrupamento de Escolas da Zona Urbana da Figueira da Foz, recordou “as vicissitudes” desta obra, “um sonho acarinhado por muitos” e que “hoje é um projecto aglutinador, um porto seguro e potencializador do desenvolvimento da comunidade”.
Jorge Brandão, da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, destacou os apoios comunitários que permitem “melhorar as condições de vida das populações e contribuir para o transformar o futuro”. Esta obra, hoje inaugurada, “é uma clara demonstração da pertença na União Europeia”.
António Salgueiro começou por destacar “as excelentes condições” deste centro escolar, “um sonho traçado há 26 anos”. O presidente da Junta de Freguesia de S. Pedro recordou que a antiga escola primária foi das primeiras, no concelho, a ter telefone, aulas e música, inglês e iniciação à informática, mais-valias que muito devem ao esforço da associação de pais e encarregados de educação a que presidiu.
O autarca elencou vários nomes que, de uma ou outra forma, contribuíram para que o centro fosse uma realidade, entre eles os antigos autarcas Domingos Laureano e Carlos Simão.
O autarca aproveitou a ocasião para agradecer aos que “dão a «face» (cara) pelo trabalho”, em detrimentos dos que “estão no face(book) a criticar atrás de um teclado”.
Carlos Monteiro salientou que a escola, que foi recebendo intervenções de requalificação e ampliações sucessivas, “era como um Portugal dos Pequeninos, hoje é um pólo de qualidade e excelência no ensino”.
Para o presidente da Câmara Municipal, esta inauguração homenageia o trabalho, a esperança e a liderança de todos os que se envolveram nesta realidade.
O edil anunciou ainda estar para breve a requalificação da Escola do Bum Sucesso fechando um ciclo de melhorias no parque escolar local. Por se encontrar na freguesia de S. Pedro, deixou igualmente o anúncio da proposta a submeter em reunião de Câmara próxima para uma intervenção no campo de jogos do Cova-Gala, no qual a autarquia pretende colocar um campo de relva sintética.
No final dos discursos, foram oficialmente inauguradas as salas «Natércia Crisanto» e Peter Pereira. Natércia Crisanto, já falecida, foi professora e vereadora, deixando a sua marca pessoal na defesa do Associativismo e Educação locais.
Peter Pereira é um foto-jornalista que nasceu na Cova-Gala e que residente nos Estados Unidos da América. Tem vindo a conquistar diversos prémios e galardões com as suas imagens. Chegou a estudar na sala que hoje recebeu o seu nome.

(Jorge Lemos)

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL