INOVSEA: AEVC e ACIFF juntas na dinamização da Economia do Mar

A AEVC – Associação Empresarial de Viana do Castelo e a ACIFF – Associação Comercial e Industrial da Figueira da Foz encontram-se a desenvolver o projecto INOVSEA, que tem como objectivo potenciar a inovação nas empresas que integram a Economia do Mar das regiões costeiras do Alto Minho e Baixo Mondego.
Este projecto tem por base a cooperação e o incremento de competências em fatores críticos de competitividade, como sejam a Economia Circular, a Transformação Digital, a Literacia Financeira e a Internacionalização, estando a decorrer um diagnóstico da situação das empresas e outras organizações nestes domínios, tendo em consideração a importância do mar e o seu impacto no desenvolvimento económico destas regiões, independentemente de actuarem ou não diretamente na Economia do Mar.

Aposta no conhecimento e inovação

O conhecimento e a inovação são as grandes apostas do projecto para que se potencie a exploração dos recursos regionais e se estimule a capacitação das PME das respectivas regiões, consolidando a sua oferta à escala global e fomentando postos de trabalho e o desenvolvimento da economia do mar.

Objetivos estratégicos

1 - Fortalecer a posição marítima das regiões costeiras do Alto Minho e Baixo Mondego, através de um tecido empresarial mais dinâmico e competitivo.

2 - Aumentar o valor acrescentado e o volume de negócios das empresas da fileira do mar nas regiões costeiras do Alto Minho e Baixo Mondego.

3 - Aumentar a capacidade de inovação das regiões, graças a uma massa crítica de empresas inovadoras.

4 - Promover o desenvolvimento das actividades emergentes, inovadoras e qualificadas, ajudando as empresas a ganhar maturidade e escala.

5 - Preparar as empresas da economia do mar para alcançarem uma maior penetração em mercados internacionais e atrair um investimento para o setor.

Estratégia costeira

1 - Levantamento da capacidade de oferta instalada das actividades da economia do mar, onde serão inventariadas e caracterizadas as actividades dos sectores relacionados com a respetiva economia nas regiões costeiras do Alto Minho e Baixo Mondego, tais como empresas, setor, competências, recursos, incorporação tecnológica, vocação exportadora, entre outras.
O objectivo será avaliar o potencial da oferta e concentração das medidas mais estruturantes para o seu desenvolvimento coletivo.

2 - Realização de um estudo estratégico para a economia do mar nas regiões costeiras do Alto Minho e Baixo Mondego com o propósito de definir os princípios orientadores da intervenção, providenciando uma visão para as mudanças estruturais e tecnológicas que são necessárias implementar para incrementar e valorizar as actividades da cadeia de valor do mar.

(Foto: Celso Silva/Digitart)

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL