«Figueira A Primeira» pede esclarecimentos do cancelamento da Sondagem Católica/RTP/Público

Perante o cancelamento da publicação da sondagem Católica/RTP/Público sobre as eleições na Figueira da Foz, o «Movimento Figueira A Primeira» pede esclarecimentos oficiais por parte das instituições visadas. 
“Lamentamos profundamente este insólito acontecimento, assim como a ausência de qualquer justificação oficial para o sucedido. Não se aceita que órgãos de comunicação social como a RTP,  e o Jornal  Público, assim  como o Centro de Sondagens, ainda não tenham dado a devida justificação para a lamentável situação que ocorreu”, refere o Movimento que tem Pedro Santana Lopes como candidato à presidência da Câmara Municipal da Figueira da Foz.
“São demasiados os insólitos acontecimentos que têm ocorrido na presente campanha autárquica com o Movimento Figueira A Primeira. Desde erros dos tribunais, a omissões incompreensíveis por parte de órgãos de comunicação social, passando por centros de sondagens”, lê-se num comunicado, adiantando-se que “curiosamente, as outras candidaturas nada disseram, nada dizem. Só querem é que não se fale nisso. Talvez possa aparecer alguma outra mais equilibrada… Tudo isto é uma vergonha mas só nos dão mais força para lutarmos por uma vitória expressiva”.

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL