Politécnico de Coimbra aposta na qualificação dos trabalhadores numa parceria com o IEFP

O Politécnico de Coimbra (IPC) e o Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) assinaram ontem (16 de janeiro), um protocolo de colaboração com o objectivo de promover a progressão dos níveis de qualificação dos trabalhadores do IPC através dos Centros Qualifica dos Centros de Emprego e Formação Profissional de Coimbra e do Pinhal Interior Norte.
Os Centros Qualifica são instrumentos de uma estratégia integrada de formação e qualificação de adultos, que têm como premissa fundamental não só a valorização das aprendizagens que os adultos foram adquirindo ao longo da vida, mas também a possibilidade efectiva de aumentarem e desenvolverem competências através de formação qualificante.
Com a assinatura deste acordo, o IPC reconhece que o aumento da qualificação dos seus trabalhadores constitui um recurso fundamental ao desenvolvimento do País e que está disponível para colaborar na promoção deste desígnio, nomeadamente dando continuidade à promoção da formação dos seus trabalhadores.
Na cerimónia de assinatura do protocolo, o delegado Regional do Centro do IEFP, António Alberto Costa, realçou o papel dos Centros Qualifica na estratégia de formação ao longo da vida envolvendo as instituições, em particular as de ensino superior, e as empresas, referindo que existe uma geração que não beneficiou de formação ao longo da vida e que este é “um direito de todos”. Reforçou ainda a necessidade de aumentar a formação da população nas áreas do emprego digital e das “competências verdes”.
O responsável indicou ainda que esta formação certificada será resultado de um processo de identificação de necessidades de formação junto dos trabalhadores, bem como das condições de espaço e de calendarização para a realização da mesma.
O presidente do Politécnico de Coimbra, Jorge Conde, explicou que esta parceria vem “alargar o espectro do trabalho e de colaboração que podemos fazer em conjunto com o IEFP, em complementaridade com outras entidades e não em concorrência”. Destacou ainda o caminho que a instituição tem feito de inserção no território através de diversas iniciativas, nomeadamente com a criação de polos de Ensino Superior na Lousã e em Cantanhede, mas também com o desenvolvimento de projetos como o @GIR – Gabinetes de Inovação Territorial em conjunto com autarquias, e a associação Coimbra iTEC com o Instituto Superior Miguel Torga e o Conselho Empresarial da Região de Coimbra (CERC).
No âmbito do protocolo assinado, o IEFP compromete-se a assegurar a realização de sessões de Orientação ao Longo da Vida (acolhimento, diagnóstico, informação e orientação e encaminhamento para percursos de qualificação) aos trabalhadores do IPC, a encaminhá-los para ofertas de educação, de formação profissional ou de dupla certificação ou para processos de reconhecimento, validação e certificação de competências (escolares e/ou profissionais), de acordo com a estratégia mais adequada às suas necessidades, ao seu perfil e expectativas, assim como a realizar os processos de reconhecimento, validação e certificação de competências (escolares e/ou profissionais) dos mesmos.
Por sua vez, o IPC irá colaborar na divulgação e realização das sessões de esclarecimento aos seus trabalhadores sobre as ofertas de qualificação disponíveis, na identificação dos espaços e equipamentos necessários, no recrutamento e seleção dos formadores, na identificação de entidades para a realização da formação prática em contexto de trabalho; e na criação de condições organizativas.

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL