Candidaturas aos Prémio Municipal de Arquitetura Arq. Isaías Cardoso e concurso «O que representa para mim o 25 de Abril de 1974»

O Município da Figueira da Foz tem a decorrer candidaturas ao Prémio Municipal de Arquitetura Arq. Isaías Cardoso e ao Concurso «O que representa para mim o 25 de Abril de 1974», até dia 29 de fevereiro de 2024 e 12 de abril, respectivamente.
O Prémio Municipal de Arquitetura Arq. Isaías Cardoso, de periodicidade bienal, é resultado da convergência de interesses entre o Município da Figueira da Foz, a Secção Regional do Centro da Ordem dos Arquitectos e o Rotary Club da Figueira da Foz que, de forma conjugada, querem promover os valores cívicos do cidadão José Isaías Cardoso, os seus valores profissionais e a sua importância na valorização patrimonial que legou à cidade da Figueira da Foz.
O Prémio destina-se a premiar obras cuja concepção e qualidade arquitectónica sejam relevantes exemplos na realidade edificada do Município, sendo relativas a: obras de construção e/ou de reabilitação; arranjos urbanísticos e de tratamento de espaços exteriores de uso público, tanto em relação à criação de novos espaços, como à recuperação ou reabilitação de espaços urbanos existentes.
Podem concorrer, nas condições previstas no regulamento, arquitectos na qualidade de autores de obras concluídas durante o quadriénio anterior ao ano da edição. Para a 1ª edição, considerar-se-á o quadriénio 2020-2023.
No âmbito do presente concurso, entende-se por obras concluídas as edificações que tenham obtido autorização de utilização, bem como os arranjos urbanísticos e de tratamento de espaços exteriores de uso público recebidos pelo Município da Figueira da Foz até ao último dia do ano civil 2023.

Já o concurso «O que representa para mim o 25 de Abril de 1974», tem como objectivo descortinar o que pensam as gerações mais jovens sobre o acontecimento histórico que foi o 25 de abril de 1974 e em que medida teve e tem impacto no atual contexto democrático português e europeu, contribuindo para uma reflexão mais abrangente sobre os 50 anos comemorativos da data.
O concurso tem como público-alvo jovens com idades compreendidas entre os 15 e os 18 anos, residentes na Figueira da Foz e a frequentar a escolaridade obrigatória, e as candidaturas encontram-se abertas até às 23h59 do dia 12 de abril.
Centrando-se na exploração individual daquilo que representa o 25 de Abril de 1974, o concurso procura incentivar os participantes, sob uma perspectiva pessoal, a desenvolver trabalhos sobre esta data histórica, nas categorias audiovisual, escrita e pintura/escultura, podendo também incluir perspectivas de pessoas que participaram directa ou indiretamente no 25 de Abril de 1974, com quem partilhem pontos de vista e ideias.
Os vencedores de cada uma das categorias serão premiados com uma visita ao Parlamento Europeu, em Bruxelas, organizada pelo Município (inclui despesas de deslocação, alimentação e alojamento).
As normas de candidatura podem ser consultadas no sítio institucional do Município da Figueira da Foz.

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL