OtimO – valorização do ouriço-do-mar vence Prémio Inovação Expo Fish Portugal

O projecto «OtimO – Otimização dos processos de produção de Ouriço-do-mar», desenvolvido na Figueira da Foz pelo Laboratório MAREFOZ, da Universidade de Coimbra, sagrou-se o grande vencedor da 1.ª edição do Prémio Inovação Expo Fish Portugal, na categoria de «Inovação e Investigação» do Prémio integrado na 2.ª edição da Expo Fish, organizado pela Docapesca.

A atribuição do prémio aconteceu a 16 de novembro, na sessão de encerramento da 2.ª edição da Expo Fish, uma iniciativa organizada pela Docapesca, que teve lugar no Terminal de Cruzeiros do Porto de Leixões.
A 2.ª edição da Expo Fish, organizada pela Docapesca, teve como principal objectivo contribuir para a internacionalização e promoção das actividades ligadas ao sector da pesca e da comercialização de pescado.
A iniciativa contou com a presença de 85 importadores, oriundos de 37 mercados internacionais, e com a realização de 240 reuniões B2B.
A edição deste ano integrou a novidade do Prémio Inovação Expo Fish Portugal, sob o mote «Inovação e investigação ligada ao setor alimentar do mar», um concurso de ideias, aberto a estudantes do ensino superior e start-ups.
A sessão de atribuição dos prémios contou com a presença da ministra da Agricultura e da Alimentação, Maria do Céu Antunes, que entregou as distinções aos vencedores.

Também o projecto «ALGADEPUR - Aquicultura Multi-trófica Integrada como veículo de sustentabilidade: Utilização de macroalgas para depuração de efluentes» esteve na corrida, tendo sido classificado como finalista do Prémio Inovação ExpoFish.
Este projecto, também desenvolvido pelo Laboratório MAREFOZ no âmbito da Estratégia UC MAR da Universidade de Coimbra, visa contribuir para a gestão sustentável dos recursos por via da utilização do sistema IMTA no tratamento das águas existentes na aquicultura, de modo controlado e sustentável, valorizando os produtos locais.
Ambos os projectos foram cofinanciados pelo MAR 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEAMP – Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas, no âmbito da Estratégia de Desenvolvimento Local de Base Comunitária, DLBC/Costeiro – Pescas Mondego Mar, gerida pela AD ELO – Associação de Desenvolvimento Local da Bairrada e Mondego.

O Laboratório MAREFOZ - Laboratório do Mar e do Ambiente da Universidade de Coimbra, tem como missão contribuir para o desenvolvimento sustentável, científico, económico e social da região, através da transferência de resultados de I&D e da implementação do conceito de Economia Azul, explorando o potencial social e económico do mar.
A partir da Figueira da Foz, o Laboratório MAREFOZ procura aliar o trabalho de investigação da UC ao apoio às entidades publicas e privadas de desenvolvimento local e regional e ao tecido empresarial contribuindo para o desenvolvimento sustentável das regiões e de Portugal, em virtude do reconhecimento da importância social e do valor económico do mar.
O Laboratório MAREFOZ possui uma estrutura laboratorial bem apetrechada e destinada ao processamento de amostras, ensaios experimentais, análises biológicas e análises químicas, encontrando-se equipado com sistemas de alta tecnologia (e.g. análise de parâmetros físico-químicos; análise de nutrientes; cromatografia líquida e gasosa, análise de carbono orgânico total, espectrometria de massa de relação de isótopo). Apresenta, assim, as condições necessárias ao desenvolvimento de projetos experimentais e à monitorização da qualidade ambiental de ecossistemas estuarinos e costeiros.
A sua equipa de investigadores integra o MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, que foi classificado de «Excelente» nas várias avaliações realizadas pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) nos últimos anos.
Vocacionado para a Economia Azul, o Laboratório MAREFOZ trabalha em rede com outros centros de investigação nacionais e internacionais em programas científicos inovadores, além de desenvolver projectos próprios, vários em parceria com empresas e instituições.

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL