Associação Novo Olhar: Projecto + Atlântico completa um ano de actividade com coordenação

Luís Braga Hortas (coordenador técnico)

Luís Braga Hortas (coordenador técnico)

O Projecto + Atlântico - CLDS4G da Figueira da Foz, assinala um ano de trabalho em parceria. Com início em setembro de 2020, o projeto coordenado pela Associação Novo Olhar, envolve uma parceria com a Associação Comercial e Industrial da Figueira da Foz e com a Cáritas Diocesana de Coimbra para executar, até agosto de 2023, as 15 actividades do plano de acção contratualizado entre os parceiros, a Segurança Social e o Município da Figueira da Foz.
Na sequência do levantamento de prioridades (diagnóstico social local) e prevendo uma intervenção de continuidade relativamente às edições anteriores, CLDS+ e CLDS3G, “este projecto destaca-se pela abrangência territorial, envolvendo todas as freguesias do concelho, com particular incidência nas franjas populacionais mais periféricas e vulneráveis à exclusão social”, explica Luís Braga Hortas.
Segundo o coordenador técnico, “além das áreas do emprego e qualificação, capacitação das famílias e apoio à população idosa, este projecto também inclui a intervenção de proximidade junto das comunidades visando dotar a população de conhecimentos e estratégias que permitam adotar comportamentos mais seguros, face a catástrofes ou calamidades”.

“Durante o contexto pandémico, o público-alvo deste programa não pode deixar de ser apoiado numa fase onde as suas dificuldades se acentuam e se agravam. Com a preocupação constante de minimizar o risco de contágio por COVID 19, foi possível iniciar a execução de todas as actividades previstas, adaptando-as às regras nacionais emanadas pela DGS e localmente definidas pelo Delegado de Saúde Local, envolvendo um total de 476 participantes até 31 de agosto de 2021”.
Das actividades realizadas, destaca-se o Gabinete de Apoio ao Cidadão, descentralizado em 9 pontos de atendimento por todo o concelho, assim como o Gabinete de Apoio ao Emprego e o Gabinete de Apoio à Família, as sessões em contexto escolar, as actividades com crianças desfavorecidas durante as férias da Páscoa e de Verão, o trabalho com a população mais idosa, com as famílias mais carenciadas e as acções de prevenção e sensibilização sobre vários temas (primeiros socorros, prevenção de incêndios, auto cuidado, alimentação saudável, etc) realizadas nas localidades mais periféricas.

“Enaltecemos o trabalho em parceria com as entidades públicas e privadas do Município, serviços de acção social, juntas de freguesia e forças de segurança, assim como as diversas associações, colectividades  e empresas que foram envolvidas em sinergias, favorecendo o emprego e a qualificação, a capacitação das famílias, o desenvolvimento saudável das crianças, o bem estar e envelhecimento ativo dos idosos, o apoio de proximidade às populações mais vulneráveis, a cidadania plena e os direitos humanos”, salienta Luís Braga Hortas.

COMENTÁRIOS

ou registe-se gratuitamente para comentar.
Critérios de publicação
Caracteres restantes: 500

mais

QUEM SOMOS

O «Figueira Na Hora» é um órgão de comunicação social devidamente registado na ERC (Entidade Reguladora para a Comunicação Social). Encontra-se em pleno funcionamento desde abril de 2013, tendo como ponto fulcral da sua actividade as plataformas digitais e redes sociais na Internet.

CONTACTOS

967 249 166 (redacção)

geral@figueiranahora.com

design by ID PORTUGAL